fbpx
Blog
nov 12

Entre mulheres e negócios, ficamos com os dois.

Mãe. Esposa. Filha. Tia. Sobrinha. Avó. Amiga. Companheira. Amante. Mãe de novo. Conselheira. Ombro amigo. Colega. Aluna. Estudante. Profissional. Empreendedora. Não necessariamente nessa ordem, mas muitas vezes, tudo ao mesmo tempo. Agora.

Ser mulher numa sociedade construída em torno de um sistema patriarcal não é fácil. Abrir um negócio num país com absurdas fragilidades sociais, econômicas, políticas e altíssima carga tributária, tampouco é simples. Agora experimente fazer as duas coisas. Pois é! Pode parecer loucura, mas tem um montão de heroínas dessas por aí. De acordo com o SEBRAE, o Brasil registrou um crescimento de 34% nos empreendimentos femininos nos últimos 14 anos. As mulheres hoje são responsáveis pela gestão de 51% dos novos negócios que surgem no país, protagonizando o cenário do empreendedorismo brasileiro – contrariando inclusive a média mundial, vale ressaltar!

Mas o que faz com que essas mulheres desafiem o status quo de toda uma sociedade que muitas vezes as coloca em posição de hipossuficiência e fragilidade, e passem a se lançar de cabeça no mundo dos negócios? Exatamente essa mesma questão! As mulheres têm uma média salarial inferior aos homens em cerca de 30%, do início de carreira aos cargos de mais alta gestão. E justamente por isso, enxergam no empreendedorismo uma forma de rentabilizarem melhor o seu trabalho, além de poderem conciliar as mais diversas jornadas e papéis. Tudo no seu tempo, com suas regras.

Negócios geridos por mulheres tendem a nutrir um olhar mais humano, serem mais flexíveis e colaborativos. A liderança feminina já é inclusive objeto de estudo de muitos especialistas, que apontam que o futuro dos negócios – e da sociedade – pode residir em modelos de gestão mais femininos e cuidadosos. Precisamos falar sobre isso. Precisamos nos juntar, discutir, debater, aprender. Precisamos nos unir para que cada vez mais, ocupemos nosso lugar. E para que num futuro próximo, sem precisar de tanto esforço, de tanta luta, ele já esteja lá,
reservado pra nós.

É para isso que no dia 19 de Novembro se celebra o Dia Mundial do Empreendedorismo Feminino. É para isso que reuniremos um time incrível de mulheres que empreendem, batalham, criam seus filhos, cultivam seus relacionamentos, vivem suas vidas e inspiram outras mulheres. É para isso que nasceu o Papo Essência – uma iniciativa de uma empresa 100% feminina, para contribuir com os sonhos de outras mulheres.

Assim, damos os primeiros passos para construirmos uma sociedade em nova perspectiva. Mas já adianto: o caminho ainda é longo, e a estrada é tortuosa. Mas vamos chegar lá. Ah, se vamos!

SERVIÇO:
Papo Essência
21 de Novembro (quarta-feira)
19h
Auditório do CEO Salvador Shopping – Av. Tancredo Neves, 5239
Entrada: um kg de alimento não perecível ou pacote de leite em pó
Inscrições: https://bit.ly/2JOwVEi

About The Author

MARIA BRASIL ~ Curiosa, inquieta e apaixonada por construir marcas com alma e essência. Apaixonada por construir marcas com alma, emoção e essência.Especialista em Comunicação Estratégica e Gestão de Marcas pela Universidade Federal da Bahia, com passagem pela Universidad Europea de Madrid, conta ainda com cursos de especialização pelo Instituto Europeu de Design, Miami Ad School, ESPM e New York University.Fundadora da Essence Branding, consultoria de construção de plataformas de marca baseadas na essência e propósito dos negócios, Presidente da Associação de Jovens Empreendedores da Bahia. Autora do livro “O Discurso do Réu”, obra em que trata sobre temas como Propósito, Capitalismo Consciente e os novos modelos de negócios, através de um olhar leve e divertido, conectado à comunicação e ao marketing.TEDx Speaker e palestrante com atuação nacional, ministra aulas em cursos de MBA, além de palestras, cursos e workshops nas áreas de Empreendedorismo Feminino, Branding com Propósito e Personal Branding.

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *